capim limão

CAPIM LIMÃO

Comida de inspiração brasileira, mas com um twist.

2019 foi um ano de boom para a restauração lisboeta. Aliás, mais um, no seguimento dos anteriores. Abriram imensos restaurantes, de vários estilos, mas sentimos alguma falta de originalidade na sua maioria. Conceitos muito repetidos, fórmulas gastas, enfim, muita coisa parecia mais do mesmo. Mas, felizmente, houve casos diferentes, de restaurantes que se tentaram distanciar disso e criar conceitos mais ou menos originais. Ou pelo menos, personalizados. E o Capim Limão foi um daqueles que se destacaram pela positiva.

Somos recebidos na porta por uma senhora que contacta a sala para saber se há lugar. Demasiado formal, na nossa opinião, mas seguimo-la a subir os poucos lances de escada que nos levam à sala. A primeira impressão ao entrar no Capim Limão é que a iluminação é demasiado forte. Demasiado clara, sem a capacidade de criar ambiente, ainda que o barulho saudável que sentimos no ar nos mostre que o espaços está cheio de gente jovem. A própria ausência de grande decoração deixa o espaço demasiado vazio, o que é um pena, tendo em conta o conceito do restaurante.

A primeira sugestão que nos dão, ainda antes de olharmos bem para a ementa, são as bebidas. Neste caso, os cocktails, com destaque para o especial da casa: o Ginger Mary tem rum, gengibre, citrinos, alecrim e cerveja. Uma mistura muito boa, servida com alguma teatralidade, para começar bem um jantar com bastantes surpresas. E o couvert chega à mesa ao mesmo tempo que os cocktails, e traz-nos pão da Gleba (é a moda…) para molhar em azeite com flor de sal. Não é preciso muito mais, até porque temos muita coisa para provar ainda.

A questão do serviço tem bastante importância no Capim Limão, como aliás devia ter em todos os restaurantes. Porque a ementa tem bases de pratos relativamente conhecidos (de influência brasileira), mas cada um com um twist que nos surpreende. Por isso, quem nos atende faz o bom trabalho de nos guiar às escolhas certas. Mesmo que não sejam as que, à partida, já tínhamos descartado.

No nosso caso, começamos com a sugestão da Polenta com Ovo Escalfado. Não, polenta não é assim a nossa praia, foi algo que nunca nos fez crescer água na boca. Mas a verdade é que aceitamos a sugestão… e ainda bem! Esta polenta serve apenas como base ao prato, onde depois temos ainda cogumelos e ovo escalfado. Ora, como a ideia é misturar tudo, o conjunto fica muito saboroso e a polenta dá-lhe cremosidade e textura.

capim limão

Um dos pratos principais nem precisa de nos ser sugerido, porque o escolhemos assim que vimos na ementa. Estamos a falar do Risotto de Cogumelos, com Pesto de Manjericão e Crumble de Queijo. Um prato que, aliás, nos levou a voltar outras ocasiões ao Capim Limão. A forma como o risotto de cogumelos se mistura com a frescura do pesto dá ao prato uma vida incrível, um sabor verdadeiramente surpreendente e exótico. O crumble de queijo complementa o conjunto e é muito bom, mas quase não era preciso, de tão extraordinário que é o prato.

capim limão  risotto

O outro prato que provamos é, sim, sugerido por quem nos atende. A Moqueca de Peixe com Farofa de Dendê é interessante e não há nada de errado na sua execução, mas podia (devia!) ser mais apurada. Já comemos moqueca em restaurantes brasileiros com sabores mais intensos, mais aproximados ao que acreditamos ser a comida de conforto brasileira. Esta pareceu-nos uma versão mais… “comercial”, se quiserem.

capim limão

Também no que respeita às sobremesas há muita coisa interessante no Capim Limão, com inspirações diversas e sempre com uma agradável mistura de sabores e texturas. Seguimos novamente as sugestões, mas eram exactamente as duas sobremesas que tínhamos idealizado pedir. Por um lado, temos o Crumble de Pera com Creme Inglês e Avelãs Caramelizadas, uma excelente conjugação de elementos, uma sobremesa rica e deliciosa; ao lado, o Merengue com Doce de Banana, Amendoim crocante de Creme de Canela, mais doce, mais complexa, mas uma sobremesa tão bem conseguida que até nos faz esquecer que não somos especialmente fãs de merengue. Um final delicioso, para uma refeição muito interessante.

capim limão sobremesas

O Capim Limão orbita ali naquele eixo da comida saudável, com influência brasileira e toques de autor. Mas, mesmo com tudo isto, consegue fazê-lo de forma completamente despretensiosa e com pinta. Mesmo num espaço que podia ser mais personalizado, sente-se aqui um vibe jovem, que faz com que as pessoas gostem e voltem. E numa fase de conceitos repetidos um pouco por toda a cidade, é sempre bom ver aparecer algo de diferente, com mistura de várias influências, e que ganha o seu lugar pela qualidade que apresenta. E isso é o Capim Limão!

Preço Médio: 22€ pessoa (com cocktail)
Informações & Contactos:
Rua Sousa Martins, 15 | 1050-217 Lisboa | 963 246 567

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.