PALADARES DA BAIRRADA

PALADARES DA BAIRRADA

Leitão excelente… e uma chanfana do outro mundo!!!

Há alguns (muitos, demais…) restaurantes a servir leitão “da Bairrada” na zona de Lisboa. Mas quem já passou pela Bairrada e comeu por lá o dito bicho (bichinho!), percebe que aquilo que se serve por cá fica um bocado (às vezes muito) aquém. Mas como sou daquelas pessoas que pára de propósito na Bairrada quando faz uma viagem Lisboa-Porto, estou sempre à espera de entrar um restaurante pela capital com um leitão digno de visitas repetidas. E foi isso que encontrei (finalmente!) no Paladares da Bairrada.

Numa zona de Carcavelos que tem diversos restaurantes daqueles familiares e muito frequentados (o que não significa qualidade), o Paladares da Bairrada até passa um pouco despercebido. Depois de umas voltas para estacionar, enfrentamos a noite chuvosa e lá vamos nós perceber se é aqui que o leitão é mesmo bom.

O restaurante não está cheio quando chegamos, mas vai enchendo. Famílias, casais, muitos conhecidos da casa (percebemos isso pela forma como cumprimentam o dono). O serviço é rápido e ajusta-se ao registo familiar do restaurante, que podia ser mais pitoresco (ou se calhar éramos nós que estávamos à espera disso).

O que vemos a sair constantemente da cozinha são travessas de leitão. Isto ainda antes de olharmos para a ementa, onde percebemos que o Paladares serve leitão de toda a maneira e feitio (ok, menos nas sobremesas). Ele é assado, em croquetes, numa sande (sim, sande), em iscas ou mesmo como francesinha. Muita coisa interessante, que dá vontade de provar, mas como não há “tempo” para tudo (ou barriga, se quiserem), resolvemos pedir sugestões. E ainda bem que o fizemos.
Para começar, os croquetes de leitão são viciantes, saborosos, carnudos. Menos consensuais são os pezinhos (de leitão) de coentrada, porque gosto deles mais apurados. Mas servem para entreter enquanto não chega o resto.

O que nos aconselham é o leitão (nem podia ser de outra forma), mas também nos dizem que “o leitão é para meninos”… porque temos de provar a chanfana de javali. Gente, sou apaixonado por chanfana, e esta (porra pá!) é um espectáculo!! A carne é super tenra, sai do osso quase sem ser preciso fazer nada, o molho é fenomenal, cheio de sabor, rico e com a textura certa. A dose é enorme (muito bem servida para o preço, isso não há dúvidas) mas o que interessa mesmo é a qualidade!! Provavelmente, a melhor chanfana que já comi!

E a estrela da casa – o leitão – também é excelente! Dose também bastante grande (novamente, olhando para o preço percebemos que este restaurante é uma descoberta maravilhosa), com o leitão acompanhado de batata frita caseira, rodelas de laranja e uma salada mista. Carnudo e com a altura de gordura ideal, pele estaladiça qb, molho espesso e picante, tudo excelente! Uma refeição que foi mais do que uma refeição: foi o festim do caraças! 🙂

Já estamos completamente rendidos, assim como já estamos bastante cheios, mas ainda nos vêm à mesa falar das sobremesas, todas caseiras. Bolo de bolacha quase como o que a minha mãe fazia (nenhum nunca vai chegar lá) e leite creme queimado ao momento. Sobremesas simples, como aliás toda a comida no Paladares, mas daquelas coisas simples que são deliciosas.

O Paladares da Bairrada é um achado, e um daqueles sítios onde inevitavelmente vamos voltar vezes e vezes sem conta. Porque é um restaurante simples, sem grandes invenções, onde te sentes em casa. O leitão é (sem dúvida nenhuma) dos melhores que se come na grande Lisboa, e nem vou voltar a falar da chanfana!! É como voltar a casa para um jantar de família, com comida caseira e boa, regada com bom vinho e boa disposição.
Um achado!

Preço Médio: 16€ pessoa (leitão e vinho da casa)

Informações & Contactos:
Estrada da Rebelva, 531 | 2775-726 Carcavelos | 96 952 92 18 / 21 608 16 35

[codepeople-post-map]

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.