poké bowls comida havaiana ceviche fast food comida saudavel oeiras parque

POKÉ BOWLS

Chegaram as Poké Bowls!

 

Comidas do mundo = tendência crescente. Cozinha saudável = tendência crescente. Juntar as duas? Claro!

A procura cada vez maior de conceitos de restauração diferenciadores faz com que se comece cada vez mais a procurar a gastronomia de outros países, e cada vez mais distantes. E quando a isso aliamos a ideia de comidas saudáveis, feitas com ingredientes frescos e confeccionadas de forma natural, temos o caminho aberto para o sucesso. Talvez por isso, no espaço de uma semana, abriram no eixo Oeiras-Carcavelos dois restaurantes que servem poké bowls.

E o que é isso? Não são as bolas do Pokémon. São antes taças com peixe cru, cortado aos cubinhos, temperado das mais diversas formas e feitios, misturado com outros ingredientes frescos. O prato mais típico do Havai, pelo que nos dizem.

O Poké Bowls pertence ao grupo Ceviche & Poké Bowls, que já tem uma outra loja em Lisboa, nas Amoreiras. No Oeiras Parque não há ceviche, só o resto. A mecânica é simples, as opções são muitas. Primeiro escolhemos o tipo de base que queremos (arroz japonês, salada ou quinoa), depois os tipos de peixe (salmão, atum, polvo ou peixe manteiga), depois o molho e de seguida os outros ingredientes. Ou então escolhemos uma das versões já pré-definidas que temos expostas. Expostos estão também todos os ingredientes à nossa frente, para que os possamos ver antes de escolher.

Fizemos duas de raiz, com base de quinoa: uma com atum, molho tártaro, gengibre, manga e mais coisas, outra com salmão, beterraba, cebola roxa, abacate e molho de ceviche. Ambos os resultados foram uma taça de ingredientes frescos, tudo bastante saboroso, desde o peixe aos restantes ingredientes. Não é uma dose substancial, é verdade, e o preço não é barato. Mas não me parece que isso seja um problema para o target deste tipo de comida.

Não sei se os havaianos comem mesmo isto, mas a verdade é que se ajusta na perfeição às tendências mais saudáveis que ditam os nossos dias. É quase como que misturar japonês e peruano com cozinha vegetariana e temos uma taça que respira saúde. Claro, também nos deixa com forme passadas duas horas, mas pronto. Parece-me um conceito vencedor, tendo em conta os dias que correm, mas talvez não ajustado ao registo de foodcourt, onde tem concorrência muito mais barata. Mas vamos a ver.

Nós agora vamos só ali almoçar outra vez porque ficámos com fome…

Preço Médio: 9,5€ pessoa (menu, que inclui poké bowl e bebida)

Informações & Contactos:
Oeiras Parque | Av. António Bernardo Cabral de Macedo | 2770-146 Oeiras

[codepeople-post-map]

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.