KERALA

KERALA

Uma Índia diferente, mas falta mostrá-la…

Há tipos de gastronomia internacional que para a maioria de nós têm muito poucas nuances. A maioria das pessoas acha que os restaurantes chineses são todos iguais, ou que os italianos servem todos os mesmos pratos, ou ainda que os indianos são todos iguais. É verdade que só conhecemos bem a gastronomia de um país quando por lá andamos, mas tendo em conta que temos cá em Portugal tantas diferenças no que se come de região para região (e somos um país pequeno), devíamos estar mais alerta para as diferenças das gastronomias de outros países.

Sendo que, muitas das vezes, são os próprios restaurantes que têm receio de se assumir como diferentes dos seus pares, porque podem “assustar” alguns clientes menos adeptos da mudança. Isto tudo a propósito do Kerala, em Campo de Ourique, um restaurante indiano com pratos específicos da região indiana de Kerala – alguns deles que nunca tínhamos visto nem provado em Lisboa. Mas também um restaurante onde esses pratos estão “perdidos” no meio de uma lista gigante, cheia de todos aqueles pratos que existem em todos os indianos.

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

E esta questão da cozinha tradicional de Kerala é realmente o factor diferenciador deste restaurante com o mesmo nome. Porque não se diferencia pelo espaço ou pela decoração, aliás, o espaço em si é mais frio do que muitos outros indianos de Lisboa. Parte dos quadros que ocupam as paredes são pintados por um dos donos, mas ainda assim são pouco pormenores para tornar o espaço mais quente e acolhedor.

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

E depois lá chegamos à ementa, e é esse o maior problema do Kerala. Porque são 10 páginas de informação, ainda por cima em duas línguas, com a lógica habitual dos outros indianos: listagem da proteína e depois listagem de todos os pratos feitos com ela, e assim por diante. Ou seja, os pratos típicos da região de Kerala – que os há e bons, mas já lá vamos – ficam perdidos no meio dos outros todos que já conhecemos. E que quando a lista é tão grande não temos nenhuma paciência para ler…

De qualquer forma, acabamos por fazer isso mesmo e escolher algumas coisas mais ou menos conhecidas e outras que para nós são novidades. A região de Kerala fica no sul da Índia e a sua cozinha é caracterizada pela utilização de ainda mais especiarias do que o resto da comida indiana, por isso esperamos ser surpreendidos por sabores diferentes!

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

Começamos por pedir algumas entradas, entre as quais as Chamuças, que são logo o primeiro item da lista (porque vende…). Bom o recheio de carne, mas podiam ser mais picantes. Completamente desconhecidas são as outras duas entradas que pedimos: o Uzhunnu Vada, que é um snack em forma de donnut mas com um recheio de lentilhas, pretas, manteiga e várias especiarias; e os Massala Peanuts, que são amendoins de casca ligeiramente picante, parecidos aos que comprados assados no forno. Não ficámos completamente maravilhados com nenhuma destas entradas desconhecidas, mas pelo menos ficámos surpreendidos.

Muito melhores que as entradas são os pratos que pedimos, onde tentámos realmente encontrar as coisas diferentes da lista. Uma delas andámos mesmo à procura, porque vimos mesa do lado e chamou-nos a atenção, pelo que andámos à procura do prato pela descrição. O Pidiyum Kozhiyum é uma espécie de guisado de frango acompanhado por uns estranhos mas deliciosos bolinhos de arroz cozinhados em caril à base de coco. A textura estranha-se mas depois entranha-se, e o sabor é ligeiramente doce mas depois o caril compensa-o muito bem. E tudo junto resulta muito bem com o frango. Excelente!

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

O outro prato que pedimos foi o Kerala Lamb Varutharachadu… oi?! Pois, é mais simples chamar-lhe borrego cozido com coco assado e especiarias de Kerala. O sabor é mais próximo de outros pratos de borrego que comemos noutros restaurantes indianos, mas ainda assim é muito bom. No molho sente-se efectivamente um travo a coco, que o torna mais fresco. Outro prato muito bem conseguido, sem dúvida!

E são dois pratos – principalmente o primeiro – que deviam ter um destaque claro na carta, pela sua diferenciação. Não devíamos ter de andar à procura, até porque a maioria das pessoas que vai a um restaurante não o faz… Enfim.

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

Para sobremesas, voltamos a registo de algo nosso conhecido e depois outra coisa completamente desconhecida. A primeira é a Bebinca, clássico nos restaurantes indianos, aqui muito boa, com as camadas bem definidas, servida à temperatura ideal e apenas doce qb. E a segunda sobremesa é o Unniyappam, que é como quem diz pequenas bolas feitas de farinha de arroz, açúcar de palmeira, banana e coco, sementes de sésamo e cardamomo. Pois, isso tudo, que resulta num bolo extremamente doce mas cheio de sabor, que resulta na perfeição com o chutney de banana com mel que o acompanha. Lá está, destaca-se claramente mais porque é uma novidade, assim como as outras novidades que provámos.

kerala restaurante indiano caril picante india campo de ourique

As sobremesas reforçam apenas a ideia que construímos durante todo o jantar, logo desde que abrimos a ementa: o Kerala tem mesmo de isolar todos os pratos especiais e únicos logo no início da ementa, numa secção de pratos da região. Quando perdidos no meio das outras largas dezenas, acabam por passar despercebidos… o que é uma pena.

E talvez por isso mesmo a nossa experiência no Kerala não nos deixou completamente contentes. Não que tenhamos comido mal, porque não aconteceu nada disso. Mas porque ficámos com a sensação que se calhar nos escaparam outros pratos diferentes no meio da ementa, que iam tornar a experiência ainda mais única. E isso é das coisas mais importantes num restaurante que compete com tantos outros que servem o mesmo tipo de comida: afirmar a sua diferenciação. O Kerala já a tem em si, agora basta saber mostrá-la ao mundo!

Preço Médio: 22€ pessoa (com cerveja)
Informações & Contactos:

Rua da Infantaria 16, 37 A | 1250-128 Lisboa | 21 195 69 69

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.